Pais acusados de matar menino achado em freezer são presos na Tanzânia

Leave a Comment
Os dois foram vistos por câmeras de segurança do Aeroporto de Guarulhos antes de fugirem

A Interpol prendeu Lee Ann Finck, sul-africana de 29 anos, e seu companheiro tanzaniano Mzee Shabani, de 27, em Bagamoyo, na Tanzânia, na manhã desta quarta-feira (25). O casal é acusado de matar o menino Ezra Lian Joshua Finck, de sete anos, que foi encontrado dentro de um freezer em um apartamento localizado no centro de São Paulo.

De acordo com a Polícia Federal, os investigadores brasileiros haviam comunicado a Interpol da Tanzânia. Ainda não há previsão da chegada dos presos ao País, pois é necessário realizar o processo de extradição.

Os dois foram vistos pela última vez por câmeras de segurança do Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos, na Grande São Paulo. As imagens mostram o casal com as duas filhas menores, minutos antes de embarcarem. Segundo a SSP (Secretaria de Segurança Pública), os suspeitos fizeram escala em Doha, no Qatar, e depois seguiram para a Tanzânia.

r7

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.
Posts em Destaque

Posts mais selecionados estão esperando por você . Veja isso